dermografismo braço
Dermografismo, do diagnóstico ao tratamento.
26 de setembro de 2021
urticária cronica
Urticária cronica e formas de tratamento
28 de setembro de 2021

Urticária nervosa ou emocional.

Urticária em criança

urticária aguda em criança

O que é urticária nervosa ou urticária emocional?

Urticária nervosa ou emocional seria aquela urticária causada ou agravada por stress e ansiedade.

Pergunta: existe uma doença chamada urticária nervosa? O estresse, ansiedade ou depressão podem causar urticária?

A resposta direta seria NÃO.

Não existe em nenhuma classificação uma doença chamada urticária nervosa ou urticária por estresse e ansiedade.

Estresse e ansiedade por si só não causam crises de urticária, senão todos nós teríamos o tempo todo, não é verdade?

O estresse pode piorar a urticária em pessoas já predispostas a ter urticária

O que acontece é que em pessoas já predispostas, pessoas com formas de urticária cronica e urticária física podem ter crises desencadeadas por fatores emocionais.

Se você já sofre de urticária cronica o estresse talvez possa ser um gatilho para crises piores.

A pessoa ansiosa também tende a se coçar mais e o ato de atritar a pele com as mão pode levar a liberação de histamina por mastócitos e isso ser o fator desencadeante de uma urticária

No dermografismo, o tipo mais comum de urticária física, as crises costumam aparecer após a coçadura. Se a pessoa ansiosa se coça então vai desencadear uma crise também.

urticária

urticária

Na maioria das vezes a urticária não é relacionada ao estresse porém para a pessoa que está sofrendo a crise e seus amigos/familiares a ligação com o estresse parece obvia, e ele logo leva a culpa. Afinal, estamos quase sempre estressados mesmo.

Então, qual a causa da urticária afinal?

Podem ser várias. O mais comum para saber a causa da urticária é dividir em 2 formas principais

Urticária aguda

Por alimentos

  • Leite

  • Trigo

  • Soja

  • Ovo

  • Amendoim

  • Camarão e frutos do mar

  • Outros alimentos

Nesse caso a crise costuma ser em pouco tempo após a ingesta do alimento, minutos até 2-3hs no máximo

urticária nervosa

urticária aguda

Por medicamentos

  • Antibióticos

  • anti-inflamatórios

  • Etc

Praticamente qualquer medicamento pode causar uma crise de urticária, embora alguns sejam mais frequentes de outros

Por infecções

  • Virais

  • Bacterianas

Diversos quadros infecciosos podem cursar com lesões urticariformes

Outras causas

  • Alergia ao látex

  • Mordidas de insetos como abelha, formiga e marimbondo

  • Contato com plantas (como a urtiga) e medicamentos tópicos

Urticária crônica

É quando as crises duram mais de 6 semanas. Uma forma muito comum. Na maioria das vezes a causa é autoimune. Ou seja, não é um remédio que você tomou, algo que comeu ou que você está em contato como amaciante de roupa ou seu sabonete.

Uma doença autoimune é quando seu próprio corpo produz anticorpos contra você e isso leva a uma doença. É o que acontece na maioria das urticarias que duram mais de 6 semanas.

Essa forma pode vir em crises de 2-3x/semana e as pessoas logo botam a culpa no estresse, uma urticária nervosa.

É chamada de urticária cronica idiopática ou urticária cronica autoimune

Quais os sintomas?

  • Placas avermelhadas, elevadas, em qualquer lugar no corpo

  • Coceira

  • As placas melhoram em menos de 24hs sem deixar sequelas na pele

urticária emocional

urticária emocional em mãos

urticária nervosa

urticária nervosa

As vezes vem associada a angioedema, que é um inchaço do tecido mais profundo da pele, comum em:

  • Lábios

  • Olhos

  • Mãos

  • Pés

  • Orelha

angioedema em lábio

angioedema em lábio

Como é feito o diagnóstico?

Deve-se procurar um especialista, alergista ou dermatologista, para investigar e tentar descobrir as causas. Se possível leve fotos das crises, isso facilita muito

Após colher uma história detalhada do seu caso alguns testes podem ser precisos como:

  • Exames de alergia no consultório (prick test ou teste de punctura) para alimentos e látex

  • Exames de alergia pelo sangue

  • Testes para urticária física

  • Testes de provocação para medicamentos e alimentos

  • Exames de sangue para descartar outros diagnósticos

     

Qual o tratamento?

A base do tratamento, quando possível, é evitar o fator que causa a crise. No caso da urticária nervosa tentar reduzir a ansiedade e estresse ajudaria um pouco.

Em outras formas de urticária outras coisas devem ser evitadas

Mas em uma crise aguda, o que fazer?

  • Antialérgicos

  • Corticoide

  • Adrenalina

A base do tratamento da urticária é o uso de antialérgicos. Pode-se usar até 4x a dose normal recomendada em bula.

antialérgico

antialérgicos

São medicamentos muito seguros e podem ser usados por períodos prolongados de tempo. De preferência aos de segunda geração, que não dão sono

Quer saber mais sobre o uso de antialérgicos, clique aqui.

Os corticoesteroides estão indicados apenas nos casos que não melhoram com o uso de antialérgicos, sempre por um período pequeno de no máximo 10 dias. Tem efeitos adversos importantes

Adrenalina está indicada apenas em último caso. Quando o médico do pronto socorro acha que o quadro está evoluindo para uma anafilaxia (choque anafilático) esse é o medicamento de escolha.

Como podemos ver não existe um tipo de urticária classificada como nervosa ou emocional.

No entanto, é comum uma crise, em alguém que já sofre de urticária, ser desencadeada ou mesmo agravada pelo stress e ansiedade. Logo, entre outros fatores, estes devem ser considerados e tratados.

Quer saber um pouco mais sobre os diversos tipos de urticária, clique aqui

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

//]]>