alergia a poeira
Alergia a poeira: Como diagnosticar e tratar.
14 de dezembro de 2021
Principais Mitos Sobre Cabelos: 5 Verdades que Você Não Sabia
18 de janeiro de 2022

Guia completo de remédios para alergia

remedios para alergia

 

 

Quem tem alergia sofre.

Acordar pela manha com espirros e coceira. Nariz entupido ao deitar a noite na cama.

Olhos vermelhos e inchados ao menor contato com cachorro, gato ou mofo.

Tosse, chiado no peito e falta de ar se passar perto de um local muito empoeirado.

Quem é alérgico já usou todos os tipos de remédios possíveis. Polaramine, Koid d, Claritin, Neosoro, Aerolin etc.

Geralmente tem uma pequena farmácia em casa.

Mas será que existe uma cura para alergia? A medicina evoluiu. A indústria farmacêutica tem diversos novos remédios para alergia.

Hoje em dia temos antialérgicos seguros e que não dão sono. Temos medicamentos para alergia que podem ser usados em crianças a partir de 6 meses de idade e também em grávidas.

Temos tratamentos com vacinas (imunoterapia) que evoluíram muito chegam perto de uma cura dos sintomas alérgicos.

Olá, sou André Aguiar Gauderer, Alergista e Otorrinolaringologista e venho tratando rinite, sinusite asma e outras doenças alérgicas há 2 décadas.

Nesse guia de remédios para alergia vou apresentar os principais medicamentos usados no tratamento de processos alérgicos.

O que é alergia?

Alergia é uma condição causada por uma hipersensibilidade do nosso sistema imunológico.

O nosso sistema imune olha para algo inofensivo, como um amendoim por exemplo, e reage a ele.

Acha que aquela proteína do amendoim é um grande vilão que está para causar algum mal ao nosso corpo. Assim o sistema imune reage e produz anticorpos contra o amendoim que no final das contas vai levar ao desenvolvimento de uma reação inflamatória com liberação de diversos mediadores químicos, principalmente histamina.

Em vez de usar como exemplo o amendoim poderia ser um ácaro da poeira doméstica, o pelo de cachorro ou gato, fungos etc.

Alergia não é sinônimo de baixa imunidade. A imunidade do paciente alérgico está normal. É apenas um erro do sistema imunológico que se defende de coisas que não causam mal a ninguém.

Ácaros, pelo de cachorro e gato, são inofensivos para quem não é alérgico. No final das contas, essa liberação de mediadores químicos, em especial a histamina, é o que causa os sintomas alérgicos.

Quando essa reação ocorre no nariz chamamos de rinite alérgica. Nos olhos, conjuntivite alérgica. No pulmão, asma brônquica. Na pele, urticária.

Quais as principais doenças alérgicas?

  • Rinite alérgica. Obstrução nasal, coceira, espirros, coriza, diminuição do olfato, dor/pressão facial
  • Conjuntivite alérgica. Olhos vermelhos e inchados, coceira, lacrimejamento
  • Asma brônquica. Falta de ar, chiado no peito, tosse, dor/pressão no peito
  • Urticária e angioedema. Placas vermelhas pelo corpo. Inchaço de pálpebras, lábios, mãos e pés. Muita coceira
  • Dermatite atópica. Pele muito seca e muita coceira. Descamação de pele.

É comum o paciente ter várias doenças alérgicas ao mesmo tempo. Pode ter rinite e conjuntivite. Rinite, asma e dermatite atópica por exemplo.

Qual o tratamento para alergia?

Costumo dizer aos meus pacientes que o tratamento da alergia se baseia em um tripé

controle da alergia

  • Controle de ambiente
  • Remédios para alergia
  • Imunoterapia (vacina de alergia)

Cada parte desse tratamento têm sua importância.

Imagina você entrando em uma guerra. Você não ataca só com o exército. Você leva a marinha e aeronáutica junto. Da mesma forma tratar a alergia só com remédios teria apenas um efeito temporário.

É preciso evitar o contato com as coisas que causam alergia (controle de ambiente) e também diminuir sua sensibilidade aos alérgenos (vacinas para alergia).

Controle de ambiente

Basicamente é tentar evitar o contato com o que você tem alergia. Um teste alérgico, feito no consultório, vai te dizer a quais substâncias você é alérgico. Poeira, pelos de animais, fungos, baratas etc.

Uma vez você sabendo, tem que tentar evitar o contato com elas. Quanto menos contato menos alergias

Algumas medidas gerais ajudam muito

  • Casa sempre muito bem limpa, evitando acúmulo de poeira
  • Usar sempre pano úmido ou aspirador de pó com filtro HEPA.
  • Evitar vassoura que levanta muita poeira
  • Evitar carpete, tapete, cortinas pesadas, almofadões, bichinhos de pelúcia, muitos livros e outras coisas que acumulam poeira
  • Forrar a cama e travesseiro com forro antialérgico.
  • Expor o travesseiro e colchão ao sol forte de 15/15 dias.
  • Evitar travesseiro de material orgânico como penas, usar de material sintético
  • Tratar o mofo das paredes
  • Evitar animais domésticos no seu quarto e principalmente em sua cama.
  • Evitar odores fortes como perfumes, desodorantes, incenso, aromatizadores
  • De preferência outra pessoa fazer a faxina. Se não for possível usar máscara e tomar um antialérgico antes

Remédios para alergia

Os medicamentos para alergia são a base do tratamento das doenças alérgicas. Eles não curam a alergia porém dão o alívio imediato.

Se você quer melhorar agora, tem que usar um remédio para alergia. O controle de ambiente, como vimos, ajuda a prevenir as crises As vacinas ajudam a fazer você deixar de ser tão alérgico, porém é um tratamento de 2-3 anos, para o longo prazo.

Conheça agora os principais remédios para alergia que temos disponíveis

Antialérgicos

antialérgico

São os medicamentos mais usados para o tratamento dos quadros alérgicos Eles inibem a ação da histamina, que é a principal substância causadora dos sintomas alérgicos.

São também conhecidos como anti-histamínicos

O efeito após o uso é rápido, em menos de 1hora os sintomas já aliviam. Costuma melhorar muito a coceira, espirros, coriza, as placas de urticária.

Não alivia tanto a obstrução nasal quando usados isoladamente.

Eles costumam ser divididos em 2 grupos. Os de 1 geração, mais antigos e que causam mais sono. Devem ser evitados. Os de segunda e terceira geração, mais modernos e que não costumam causar sonolência. São os que você deve usar preferencialmente.

antialérgico de primeira geração, que dá sono

  • Hidroxizina – Hixizine
  • Clorfeniramina – Polaramine, Histamim
  • Prometazina – Fenergan

antialérgico de segunda geração, que não dá sono

  • Loratadina – Claritin, Loratamed
  • Cetirizina – Zyrtec, Zetalerg
  • Desloratadina – Desalex, Esalerg
  • Levocetirizina – Zina, Zyxen, Rizi
  • Bilastina – Alektos
  • Fexofenadina – Allegra, Fexodane
  • Rupatadina – Rupafin
  • Ebastina – Ebastel

antialérgicos com vasoconstrictores

Os antialérgicos não têm um efeito muito bom em melhorar a obstrução nasal nos quadros de rinite alérgica. Por isso existe a associação com os vasoconstrictores.

São medicamentos como a pseudoefedrina que desentopem bem o nariz Costuma-se colocar um D após o nome do antialérgico. Allegra D Claritin D Esalerg D

Se o seu problema não é nariz entupido, não use esses medicamentos. Eles têm muitos efeitos adversos possíveis. Tremor, taquicardia, insônia, agitação, arritmia.

Se o que te incomoda mais na rinite é a obstrução eles podem te ajudar. Mas use sempre com a orientação de seu médico

Também existe no mercado uma combinação de antialérgico e antileucotrieno.

  • Rizi M
  • Levolukast

Essa combinação aumenta o efeito antialérgico do medicamento, uma vez que além de inibir a histamina também inibe os leucotrienos, mediadores químicos que tem uma função na resposta alérgica. Como era de se esperar o custo é maior.

Só está liberado a partir dos 6 anos

Corticoide nasal

medicamento para alergia. corticoide nasal

É considerado o principal remédio para alergia no tratamento da rinite alérgica

O uso diário de corticoide nasal melhora todos os sintomas da rinite. Coceira, espirros, coriza e até obstrução nasal.

Seu efeito máximo é após o quinto dia de uso, com efeito mais discreto nas primeiras horas. Por isso ele é considerado um medicamento para uso mais prolongado, diferente dos antialérgicos que agem rapidamente.

As pessoas costumam ter muito medo de usar corticoides, e com razão. Os corticoides orais estão associados a diversos efeitos adversos.

Entretanto, o uso de corticoide tópico é muito seguro. A quantidade de corticoide nesses medicamentos é muito pequena. Como ele é de uso tópico, a maior parte do medicamento age apenas localmente na mucosa nasal. O que é absorvido e vai para o resto do corpo é mínimo.

Para mostrar a sua segurança, alguns são liberados para uso a partir de 2 anos e até mesmo em gestantes.

  • Budesonida (Busonid, Noex, Budecort)
  • Furoato de mometasona (Nasonex, Momate, Amome, Nites)
  • Fluticasona (Avamys, Plurair)
  • Triancinolona acetonida (Allenasal)
  • Ciclesonida (Omnaris)

Os remédios a base de budesonida estão presentes no programa farmácia popular.

Eles podem ser comprados com um bom desconto se você tiver uma receita médica. Não precisa ser receita do SUS, o seu médico também pode receitar e você ganha o desconto

A budesonida é o único corticoide nasal liberado para uso em gestantes. Sempre na menor dose e pelo menor tempo possível.

A principal queixa dos alérgicos a esses medicamentos é que eles demoram a fazer efeito, alguns dias em média.

Atualmente temos disponível um corticoide nasal que está associado a um antialérgico tópico. Assim, temos o beneficio a longo prazo desse remédio para alergia com a vantagem do efeito rápido do antialérgico.

O Dymista, é uma corticoide nasal com antialérgico que já tem efeito nos sintomas de coceira, espirro e coriza em 5 minutos após o uso. No momento é o único no mercado brasileiro dessa classe.

Suas desvantagens

  • Preço mais alto
  • Gosto amargo na boca
  • Uso apenas após os 6 anos de idade
  • Deve ser usado 2x/dia.

Os outros corticoides podem ser usados 1x/dia.

Corticoide sistêmico

Esses medicamentos podem ser usados por via oral (comprimido e solução), injetável intramuscular ou intravenoso. O início do efeito é em 3-8 horas e são remédios para alergia milagrosos. O paciente realmente melhora de praticamente todos os sintomas.

O grande problema são seus efeitos adversos Efeitos adversos dos corticoides sistêmicos (por via oral e injetável)

  • Náuseas, gastrite, úlceras pépticas
  • Ganho de peso, diabetes
  • Acne, ganho de pelos
  • Atraso no crescimento das crianças
  • Aumento de infecções
  • Insônia, mudança do humor, dor de cabeça
  • Catarata, glaucoma
  • Hipertensão, tromboses

Devido a extensa lista de efeitos adversos eles são reservados para casos graves. Crises de asma por exemplo. São geralmente usados por um período curto de tempo, até 7-10 dias, quando não costumam ter tantos efeitos adversos.

Antileucotrienos

No Brasil, a única droga dessa classe é o montelucaste

Ser nome comercial é Singulair, Montelair, Piemont e Viatine

Esse medicamento inibe um mediador químico da resposta alérgica, o leucotrieno

Está indicado para tratamento de casos leves de asma ou casos mais severos quando associados a outras drogas como corticoides inalatórios e broncodilatadores Também pode ser usado para o tratamento da rinite alérgica embora seu efeito seja menor que os dos antialérgicos e corticoides nasais. Eventualmente pode ser usados em urticárias

São remédios para alergia muito seguros. Podem ser usados em gestante e crianças a partir de 6 meses de idade. Também em mulheres amamentando

Soro fisiológico nasal

remedio para alergia. Soro fisiologico nasal

soro fisiologico nasal. remedios para rinite e alergia

O uso de soro fisiológico para lavagem nasal está bem difundido nos pacientes com rinite e sinusite

Estudos mostraram uma melhora de 30% dos sintomas nasais e também pode evitar a evolução de uma rinite para uma sinusite

O soro fisiológico não tem contraindicações e é muito barato, o que o torna uma ótima opção de medicamento para alergia. Pode ser usado já em crianças pequenas, sempre com cuidado para não machucar o nariz e com pouco volume no início.

O nosso nariz serve como um filtro. Ao longo do dia entramos em contato com muitas impurezas. Então faz sentido lavar nosso filtro natural para que ele funcione sempre bem.

O soro fisiológico pode ser utilizado de diversas formas

  • Gotas – Rinosoro gotas, Sorine gotas
  • Spray nasal – Rinosoro SIC, Sorine SSC, Salsep
  • Spray nasal jato contínuo – Rinosoro jet, Maresis, Sorine Jet, Salsep jet
  • Alto volume e baixa pressão – Nasoar, Lota, seringa
  • Gel – Maxidrate gel

O importante é você achar um método que se sinta bem e lavar o nariz. A orientação mais atual entre os otorrinos e alergistas é o uso de alto volume e baixa pressão. Isso significa muito soro com pouca força. Para isso o Nasoar seria um dispositivo muito útil

A técnica indiana de lota também é um exemplo de alto volume e baixa pressão

Uma opção barata é lavar o nariz com seringa. O tamanho da seringa depende da idade do paciente. Um frasco de 500ml de soro vai dar para vários dias e custa bem pouquinho. Após 7 dias o ideal é descartar o soro por risco de contaminação.

O maxidrate gel é um soro fisiológico em forma de gel. Ele é mais indicado para ressecamento nasal pois fica por um período maior em contato com a mucosa nasal.

Colírios

medicamento para alergia colirio antialergico

Para o tratamento dos sintomas oculares das alergias (coceira, lacrimejamento, edema, vermelhidão) temos os colírios.

Os mais utilizados são os colírios com antialérgicos pois são muito seguros

  • Olopatadina – Patanol
  • Alcaftadina – Lastacaft
  • Cromoglicato dissodico – Cromolerg
  • Cetotifeno – Octifen

Esses medicamentos podem ser usados nas crises, por alguns dias e também de forma contínua. Podem ser usados em adultos e crianças O uso de colírios de corticoide deve ser apenas em casos extremos e por período curto devido aos efeitos adversos importantes

Bombinhas (spray inalatório)

remedio para alergia. Bombinha para asma

Os medicamentos na forma de spray e pó inalatório são os mais usados para o tratamento de asma e bronquite. São popularmente conhecidos como bombinhas

São divididos em 2 grupos principais, com funções diferentes.

Os corticoides inalatórios têm a função de diminuir a inflamação brônquica e prevenir as crises de asma. São usados de forma mais contínua.

Os broncodilatadores têm a função de abrir, dilatar os brônquios pulmonares. São usados nas crises (aerolin e berotec por exemplo) e também associados aos corticoides na prevenção e uso contínuo.

Corticoides inalatórios

  • Clenil
  • Flixotide
  • Busonid caps
  • Pulmicort

Broncodilatadores isolados

  • Aerolin
  • Berotec

Corticoides com broncodilatadores de longa duração

  • Alenia
  • Symbicort
  • Seretide
  • Vannair
  • Fostair

Algumas observações quanto a esses medicamentos para alergia Clenil e aerolin são gratuitos no programa farmácia popular.

Não se deve usar o aerolin ou berotec isoladamente por muito tempo. Eles podem deixar de fazer efeito com o tempo. Se tem que usa-los com muita frequência deveria esta usando outro medicamento como a associação corticoide inalatório e broncodilatador

Inclusive essa associação é mais usada atualmente. São medicamentos muito seguros para uso contínuo e não deixam de fazer efeito com o tempo. Apenas o seu médico poderá te dizer qual desses é o melhor para o seu tipo de asma

Imunoterapia (vacina para alergia)

vacina alergia a gato

Agora que já falamos em como evitar o contato com as coisas que você tem alergia (controle de ambiente) e sobre os remédios para alergia e hora de tentar curar sua alergia

Os medicamentos para alergia são ótimos. Porem não curam, apenas controlam. Você usa o medicamento por um tempo, melhora e ao parar o uso os sintomas voltam.

A imunoterapia tem o objetivo de dessensibilizar o paciente ao que ele é alérgico. O princípio é o seguinte. Se eu sou alérgico ao ácaro da poeira doméstica eu devo entrar em contato com pequenas quantidades do ácaro, com frequência, para meu corpo se acostumar e deixar de ser alérgico a ele.

A imunoterapia é um tratamento antigo, já tem mais de 100 anos. Porem foi se aprimorando com o tempo e hoje é extremamente seguro e eficaz.

 Vantagens da imunoterapia (vacina para alergia)

  • Ocorre a dessensibilização, o paciente deixa de ser tão alérgico

  • Diminui a frequência das crises alérgicas e a intensidade delas

  • Diminui a chance de novas doenças alérgicas como o aparecimento de asma em uma criança que tem rinite alérgica

  • Diminui as complicações das alergias como otite, sinusite, pneumonia e internações

  • É custo efetiva. Estudos mostram que você economiza até 80% pois não precisa tomar tantos remédios para alergia, consultas médicas e internações

  • Melhora a qualidade de vida de uma forma geral

A imunoterapia pode ser feito por via subcutânea (vacinas) ou por via oral (gotas sublinguais). O paciente deve escolher com seu médico a melhora forma para ele.

Pode ser feita com mais de um alérgeno. No Brasil a maioria das vezes a alergia é a ácaros (D pteronissinus e Blomia tropicalis). Porem algumas pessoas podem ter alergia a cachorro ou gato. Nesse caso pode-se incluir esses alérgenos na imunoterapia.

Bem, como vocês viram atualmente existem diversos tratamentos para alergia. Não é preciso ficar sofrendo e usando remédios para alergia antigos, que dão sono ou engordam. E muito menos ficar dependendo de pronto socorro para sair da crise.

Perguntas frequentes:

Qual o melhor remédio para rinite alérgica?

O corticoide nasal é a medicação mais indicada para o tratamento de rinite alérgica persistente. Deve ser associado com a lavagem nasal e o uso de antialérgicos nas crises.

Evitar o contato com coisas que causam alergia como poeira, mofo e cheiros fortes também está indicado.

Tratamento com vacinas alérgicas (imunoterapia) pode ser indicado em alguns casos.

Qual o melhor remédio para alergia na pele

Os antialérgicos são os medicamentos de escolha para o tratamento da urticária. Podem ser usados em doses altas, até 4x a dose normal

O corticoide tópico é o medicamento de escolha para as dermatites. O uso de hidratantes também está indicado. Caso tenha ficado alguma dúvida fique à vontade para deixar um comentário abaixo

2 Comentários

  1. Kleidiane soares de lima disse:

    Doutor meu filho tem asma quais os cuidados devo ter neli exemplo qual seria as coisa que eli n pode ter contato e qual seria a alimentação certa para eli?
    Quais alimentos eli devi evitar e qual medicação seria indicada nesse caso?

    • Setu filho tem quer ser avaliado por um alergista ou pneumologista para iniciar um tratamento para controlar a asma. Deve realizar testes alérgicos para saber ao que tem alergia e o que deve evitar e fazer uma prova de função pulmonar para avaliar a capacidade pulmonar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

//]]>